Como atualizar para Windows 10 gratuitamente em 2018


A oferta de atualização gratuita terminou oficialmente em 2016, no entanto, de forma “não oficial”, ainda é possível ter uma cópia gratuita do Windows 10. Existem algumas formas de se puder atualizar para Windows 10 sem qualquer custo e sem o recurso a uma chave pirata.

Atualizar para Windows 10

Pode instalar o Windows 10 com uma chave do Windows 7 ou 8, ou instalar o Windows simplesmente sem chave. Tudo funcionará tudo de forma correta e estável, tendo apenas uma pequena marca de água lembrando para você comprar uma licença oficial.

Veja como funcionam esses métodos.


Atualizar para Windows 10 com uma chave do Windows 7, 8 ou 8.1 

Embora já não não seja possível utilizar a ferramenta “Obter Windows 10” para fazer a atualização a partir do Windows 7, 8 ou 8.1, ainda é possível baixar o instalador do Windows 10 do site da Microsoft. Para que funcione, apenas terá de inserir uma chave oficial do Windows 7, 8 ou 8.1 durante a instalação. Este método foi testado no dia 5 de janeiro de 2018 e aparentemente ainda funciona.

ativação com chave windows

Uma vez inserida a chave, o Windows irá comunicar com os servidores de ativação da Microsoft para confirmar que a chave da versão anterior do Windows é real. Se tudo for validado corretamente, o Windows 10 será instalado e ativado no seu computador. A partir desse momento, o seu computador adquire uma “licença digital” e pode continuar a utilizar e a reinstalar o Windows 10 no futuro. Se aceder às definições de segurança do seu computador, verá as palavras “Windows está ativado com uma licença digital”.

licença digital windows

Até ao momento a Microsoft não comunicou se irá manter ou bloquear este método no futuro, no entanto por agora funciona a 100%. No entanto, mesmo que um dia não seja mais possível ativar o produto desta forma, não se preocupe pois a sua versão não será afetada. O Windows 10 permanecerá ativado e irá manter a sua licença digital.

Reinstalar o Windows 10 se já atualizou

Se aproveitou uma das ofertas de atualização gratuitas, seja ela a oferta de atualização gratuita original durante o primeiro ano, a oferta de acessibilidade ou instalando o Windows 10 com uma chave de uma versão anterior do Windows, poderá continuar a “obter o Windows 10” gratuitamente no mesmo hardware.



Para isso, basta baixar o instalador do Windows 10 do site da Microsoft e instalar o Windows nesse computador. Tenha atenção que não deverá colocar nenhuma chave durante o processo de instalação. O Windows deverá ser ativado automaticamente depois de validar a informação junto dos servidores da Microsoft.

Claro que isso só poderá ser feito se você já atualizou o seu Windows para a versão 10, mas poderá continuar a instalar o Windows 10 gratuitamente no mesmo computador no futuro – mesmo que um dia substitua o disco rígido ou outros componentes. O novo assistente de ativação do Windows 10 irá ajudá-lo a solucionar algum problema de alteração de hardware e a reassociar a licença digital para o computador correto.

Sem chave e ignorando os avisos de ativação

Aqui sim, está o grande segredo: você não precisa fornecer uma chave oficial para instalar e atualizar para Windows 10. Como já foi explicado anteriormente, pode apenas baixar o ficheiro executável para instalação do Windows 10 diretamente do site da Microsoft e instalá-la num computador. Pode também instalar o Windows num Mac, ou até numa máquina virtual, tudo isso sem fornecer uma chave do produto. O Windows irá continuar a funcionar de forma normal e você pode fazer praticamente tudo o que pretender.

Plataformas com Windows

Após a instalação, o Windows 10 continuará “incomodando” o utilizador com uma aviso/alerta até que possa ativá-lo e (também) não permitirá que altere nenhuma das opções em Configurações > Personalização. De resto, tudo funciona normalmente sem restrições. Este método de instalação não será o mais indicado para se utilizar num computador de uso diário, mas é uma forma muito conveniente e rápida de configurar uma máquina virtual. Também poderá ser bastante útil para, por exemplo, testar o Windows 10 num computador e ver as suas capacidades, ou até, instalar o Windows 10 num Mac. Se um dia pretender ativar a sua cópia do Windows, poderá fazê-lo dentro do próprio sistema, sem a necessidade de fazer nova instalação. Muito útil.

Esta técnica não é permitida pelas diretrizes da Microsoft, mas no entanto, o Windows foi projetado especificamente para funcionar dessa maneira. Se um dia a Microsoft não quiser que as pessoas façam as coisas dessa forma, é muito fácil – basta bloquear essa possibilidade no futuro. Ainda assim, este funcionamento já existe desde o tempo do Windows 7, portanto não se prevê que algo mude entretanto.

Baixar uma versão de 90 dias para testes

A última hipótese é dirigir-se ao site da Microsoft e baixar uma versão de avaliação de 90 dias do Windows 10 Enterprise. Este Windows irá funcionar por 90 dias – cerca de três meses – e foi projetado para que as empresas possam testar o Windows 10 Enterprise.

Esta cópia de avaliação vem incorporada com os recursos extras do Windows 10 Enterprise, por isso também é uma forma conveniente de testar esses recursos corporativos. No entanto, se pretender, poderá atualizar qualquer edição do Windows 10 para a edição Enterprise. Bastará apenas uma chave.

Versão 90 dias Windows

Infelizmente, outras ofertas gratuitas – como a Acessibilidade da Microsoft – não podem mais ser utilizadas. No entanto, todos estes métodos explicados acima deverão muito bem servir as suas necessidades de atualizar para Windows 10.

Claro que – no limite – pode sempre comprar um novo computador que já contenha o Windows 10. Não é realmente gratuito porque o fabricante tem que pagar pela licença do Windows, mas poderá ser uma boa solução. Se está a querer atualizar o Windows 7, 8 ou 8.1, poderá fazer mais sentido comprar um novo computador que vem com o Windows 10, em vez de gastar muito dinheiro com uma licença do Windows 10 Home. Os fabricantes de computadores obtêm um bom negócio e pagam bem menos pelas licenças, do que os “utilizadores normais”.

Se ficou com alguma dúvida sobre como atualizar para Windows 10 com um desses métodos, comente abaixo ou me envie uma mensagem.


Autor : Rui Pinto facebook twitter googleplus

Fundador do Informática Simples. É consultor informático de profissão, blogueiro e produtor de conteúdos nos tempos livres e um curioso sobre SEO e Marketing Digital.

Gostou deste artigo? Partilhe-o!

  • Tweet
  • Facebook
  • Diggit
  • Delicious
  • Diggit
  • Diggit
  • Diggit
  • Diggit

Deixe o seu comentário

Rss Feeds   Twitter Followers Email Updates




PARCERIAS


GeraLinks - Agregador de links


 
Mais em Windows
Como Tirar Print no PC

Tirar um print - ou em Português, fazer uma captura de tela - é um processo em que é tirada...

Fechar